uma desgraça nunca vem só. adoro clichés e mais provérbios e lenga-lengas que são do tempo da pacóvia e tendem a fazer-me rir, ah ah ah, até me atingirem bem no centro, záz! e dar-me uma dor aqui, outra acolá, juntar um pouco de sal, escaranfunchar a ferida, hmm que bom que bom. e dinheiro para tratar disto tudo? pago com os teus pelos do cu. às prestações evidentemente. mas que é isso. eu já nem choro. estou seca por dentro. estou seca por baixo também. molhada só nos pés que a puta da chuva não pára, é que não pára. até os meus bicos se queixam do frio. estás a abusar, são pedro, ou o outro santo qualquer mais o caralho que o fodam. "você abusou, tirou partido de mim abusou". daqui a nada tenho cinzas no estômago. isto só arde e arde. vou parecer o Caramulo. os ovários também vão para o lixo. não preciso deles para nada. eraserheads já há muitos. às tantas já o tenho à porta. deve ser diabrete, por aqui arde também. devo estar a aborta-lo pelo mijo. sinto-lhe o cheiro. é um ardor. tomas este comprimido à noite. este de doze em doze horas. mais este para proteger o estômago. PUTA QUE VOS PARIU já nenhum faz efeito! assim é mais fácil suicídios, muito obrigada. não, mas a sério, a dor de dentes é a pior. o braço já me prende. parece que levei um murro. não tarda também fico surda. o quê?


a 6.2.14
Etiquetas: , , , ,

 

4 comentários:

Johnny Guitar

Que hoje chova de vez.

bpassarinho

que chova tudo de uma vez, carago!

josé luís

deixa-te disso piu :: sabes bem que é tudo stress pré-exposição (e não pós-traumático)

bpassarinho

antes fosse só isso, mas não me parece que a infecção urinária e a dor de dentes venha do stress :/